A Crônica do Escaninho

Todo dia os vejo ali, às vezes paradinhos e às vezes agitados, mas quase sempre fitados em mim. Não sei se eles pensam, mas se pensarem devem dizer que eu devo estar apaixonado por eles, porque vivo olhando para lá. Ás vezes dá até uma vergonha, mas logo percebo que eles não notam isso.

Na verdade, olho para um; vazio e triste. Quase todos sempre têm algo, mas ele vive ali todo cheio de nada, como se não tivesse utilidade nenhuma. Vida triste a dele, apesar de ser rígido e aparentar estar no controle da situação. Parece até que a utilidade dele é ser frívolo, não ter utilidade.

Outro dia eu disse ao meu companheiro de trabalho:

— Tá vendo aquele ali?

Ele respondeu que sim, e eu o disse que às vezes ele até aparentava estar alegre, mas logo eu notava uma tristeza, uma melancolia só. Disse ao meu companheiro os locais que se guardam as coisas importantes são estranhos, porque eles têm um grande lacuna no interior, mas quanto mais o tempo vai passando, uns vão ficando mais cheios, porém têm outros que continuam vazios.

Como é triste uma lida que parece não ter sentido, um trabalho sem motivo. Por que ele está ali então? Só pra passar tempo? Isso deveria ser revisto e resolvido. Até porque é um desperdício de energia interior. Parece que isto foi imposto a ele, um cargo que terá de lidar pelo resto da vida, sempre da mesma forma, fazendo as mesmas coisas, sem mudar.

É um vazio monótono que ele carrega, como se tivesse que carregar esse grande peso que é o nada, que o preenche por inteiro.

Como é sofrida e estranha a vida humana, que sorte a minha ser um escaninho.

woman walks on wooden pathway
Foto por Scott Webb em Pexels.com
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s